segunda-feira, julho 31, 2006

Quando começa a se sentir zonza e esquisita, toma mais uma bebida pra ver se resolve alguma coisa (pura ilusão). Seus músculos relaxam e sua língua começa a formigar.
Mexe nos discos e nada lhe agrada, se sente um lixo.
Faz planos, mesmo sabendo que nenhum vai vingar. Chora, ri...não sente dor, mas sofre (afinal...sofrimento às vezes nada tem a ver com dor).
E essa fantasia toda vai durar mais umas 3h e, na manhã seguinte, quando acordar com a maquiagem toda borrada e com a cabeça latejando, vai prometer a si mesma não ter mais nenhuma dessas noitadas solitárias (em vão).
Ela sonha...

3 comentários:

luiz disse...

Trocando em miúdos, ressaca!
Beibe, vai se preparando aí, ;)

rafa hyczy disse...

ma, eu já disse que vc escreve muito bem E que é pra vc escrever um livro E quando já tive pra vende, eu compro?
aopksopsk
um monte de umas 5 vezes :p
uhaiuaha
:*** mâno!
hahaha

Arielle disse...

eu faço planos... tomara q vingue. fds eu em ksa.
abraço mah.!